SS-100-X: Lincoln Continental 1961

Um dos fatos mais marcantes do século XX foi o assassinato do presidente norte americano, John F. Kennedy, em 22 de novembro de 1963. E um dos personagens desse episódio é o veículo onde o líder estava a bordo, um Lincoln Continental 1961.

O serviço secreto comprou um modelo quatro portas conversível que foi customizado pela Hess & Eisenhart. Por lá recebeu o codinome  SS-100-X, e foi esticado, atingindo 6.47 metros de comprimento.

O motor era um V8 de de 430 cilindradas cúbicas ou 7.0 litros. A frente foi “atualizada” com parachoque e grade do modelo 1962 na época do ocorrido, então, é comum confundirem o seu ano de fabricação.

Após o assassinato, o carro foi consertado pela Hess & Eisenhart e recebeu um teto e proteção à prova de bala e prestou serviços até 1977.

Hoje, está em esposição no Henry Ford Museum. Para saber mais informações sobre o carro no considerado, “maior crime do século” passado, acesse In Broad Day Light (em inglês).

2 comentários Adicione o seu

  1. grapiglia disse:

    saido do assunto carros,ele levou um tiro antes do da cabeça?,eu ainda não aprendi isso em hitória :p

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s