Ford 427 Concept

Dia da Estréia. E ficou por aí.

Houve uma época em que grandes extensões de metal, cromados e um grande motor eram o suficiente para os carros norte americanos. Na década de 60, auge daquela indústria, esses elementos ajudaram a construir o reinado ianque, que ruiu na década seguinte. No salão de Detroit de 2003, a Ford apresentou um modelo conceito a fim de resgatar a nobreza dos antigos sedans americanos. O Ford 427 Concept mostrou os rumos que a empresa queria tomar em termos de design. Uma pena que ficou só por aí, pois o 427, como o nome sugere, tinha um motor V10, de 427 in³, “míseros” 590 hp e tração traseira.

Se fosse fabricado poderia ter brigado com o Chrysler 300C de igual para igual.

Talvez, uma referência ao Cammer 427, o maior motor já prodzido por Detroit, com a mesma lendária cilindrada cúbica. No começo da década de 60, a competição entre os fullsizes americanos era ferrenha. A cada ano eles ficavam maiores e mais pesados, o que levou a Ford a produzir algumas unidades do Ford Galaxie com nada mais, nada menos do que 657 hp. Impraticável para o uso diário, o projeto foi abandonado em seguida.

Ford Galaxie 1963: Foram equipados com os 427, mas com uma potência mais "mansa", cerca de 400hp.
Ford 427 Concept: Frente emprestada ao Fusion e parou por aí.
Ford Fusion 2006: Três anos mais tarde, quatro cilindros a menos.

A traseira serviria de referência para o...
...Taurus 2010.

Mas voltando ao Concept, logo de cara (literalmente) notamos que a barca cedeu as linhas para a primeira versão do Fusion. A traseira serviu de referência para o novo Taurus. Já o motor, ficou no protótipo mesmo. Uma pena.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s