Dicas?

O encontro de titãs. O encontro de titãs.

Sempre que possível nós, do Parachoques Cromados, publicamos dicas de matérias ou vídeos correlatos aos nossos amados carros antigos. Navegando pela web, me deparei com uma que, a princípio, ficaria perfeita para o PC, no site da Car and Driver nacional. Com o título “Quadrilha do Asfalto” e a foto de um Dodge Challenger Branco 1974 seguido por seu sucessor moderno, o Challenger S-RT 8 2008 e os Mustangs Fast Back 1967 e outro Bullit 2008. Me ocorreu, na mesma hora, colocar o link aqui, mas, antes, precisava ler seu conteúdo.

A idéia da matéria era comparar os modelos antigos com suas reeleituras atuais, criando um gancho com os filmes “Vanishing Point” (Corrida contra o Destino) e “Bullit”, nos quais,  Challenger e Mustang eram as principais estrelas, respectivamente.

O repórter teve o privilégio de dirigir as quatro máquinas e, em seu texto, dá detalhes ricos e precisos sobre as impressões ao dirigir. O que sobrou de informações ao sentir a dirigibilidade os carros, faltou na hora de apurar, algumas informações básicas.

Leiam e desfrutem da matéria, realmente está muito boa, mas antes faço duas considerações. A primeira delas é em relação ao ano Challenger antigo. Diferente do que é dito na matéria, o modelo guiado pelo autor é 1974 e não 1970, como é informado pelo site.

Challenger 1974: Lateral frisada.

A principal diferença entre os dois modelos é a lateral. Em 1974, o Challenger ostentava quatro “furos” horizontais e retangulares. Não entendi como o repórter não percebeu essa diferença, pois na própria diagramação da matéria é mostrado a foto do modelo 1970, usado no filme “Vanishing Point”.

Challenger 1970: Lateral lisa como pneus slicks.
Challenger 1970: Lateral lisa como pneus slicks.

Tudo bem, erros acontecem, pensei comigo mesmo.

A matéria, depois dos Challengers, volta sua atenção aos Mustangs. O tom preciso de avaliação é o mesmo. No entando, leio outro deslize do autor. Ao falar sobre as alterações estéticas do carro usado no filme o repórter crava: “…alguns frisos foram removidos, colocadas rodas foscas mais largas usadas nos Mustang Shelby e sacaram o cavalo cromado da grade do radiador, já que a Ford não soltou grana de patrocínio para o filme”.

Sem o cavalo: Retaliação por ser uma montadora sovina?
Sem o cavalo: Retaliação por ser uma montadora sovina?

Isso também está incorreto. É justamente o contrário.

Em 2003, o jornal San Francisco Chronicle fez uma matéria sobre os 35 anos do filme e sua épica perseguição pelas ruas da cidade. O diário convidou pessoas envolvidas no filme para revisitar as ruas onde tudo aconteceu.

Vejam o que a matéria gringa diz:

“The bad guys’ car was supposed to be a different Ford model (the automotive company had a deal with the studio), but it couldn’t handle the pounding. Local car lots were searched and production started with two identical Mustangs and three sturdy Dodge Chargers.”

Em livre tradução livre algo como:

“O carro dos dois bandidos era para ser um modelo Ford diferente (Um Galaxie?) (a companhia de automóveis tinha um contrato com o estúdio), mas o modelo não manejava como o esperado. Revenda de carros locais foram procuradas e a produção começou com dois Mustangs idênticos e três Dodge Charges robustos.”

Já li em algum lugar que a remoção do cavalo da grade frontal do Mustang foi idéia do próprio Steve McQueen. A intenção era mostrar que o policial que usava seu próprio carro no serviço não tinha tempo nem dinheiro pra fazer os reparos necessários. Também é creditado a Steve a idéia da adoção dos Dodges Charges pois, com o patrocínio da Ford, ficaria inverossímel se todo carro mostrado no filme fosse mesma marca.

De qualquer forma, mesmo com esses dois delizes, sempre que tenho a oportunidade, leio a C/D Brasil. É uma das melhores revistas do mercado sobre automóveis em minha insignificante opinião.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s